Programa Paisagem Socioambiental
G - Jaú Sons e Imagens de um Rio
A cobertura florestal do Estado de São Paulo, em sua grande maioria no domínio da Mata Atlântica, representava no começo do século 90% da área total do Estado, e atualmente cobre apenas 5% dessa área (NICOLINI, 1990). Esse desmatamento, ocorrido em grande escala, muito embora tenha produzido riquezas, provocou um avanço exagerado em áreas críticas (áreas íngremes, topo de morros, matas ciliares e nascentes) consideradas de preservação permanente, com grandes prejuízos ambientais e sociais, consequentemente comprometendo a qualidade de vida da população.

A Bacia hidrográfica do Rio Jaú é mais um caso típico deste modelo ganancioso de degradação do meio, desde o campo até a cidade, onde o rio e seus afluentes sofrem agressões durante seu curso. Observa-se na zona rural que as culturas agrícolas são plantadas até a beira d’água, desrespeitando as leis ambientais e o bom senso.
Além da sua diversidade de espécies, a Bacia Hidrográfica do Rio Jaú se destaca no cenário regional como uma importante área de recarga hídrica, abastecendo importantes microbacias hidrográficas como as dos córregos do Borralho (Dois Córregos), São João (Mineiros do Tietê), Santo Antônio (Jaú), João da Velha (Jaú), São Joaquim (Jaú), Mandaguay (Jaú), etc. Também se deve lembrar que na bacia do Rio Jaú aproximadamente 150.000 mil habitantes residem dentro de seus limites geográficos

A relevância deste projeto "Jaú- Sons e Imagens de um Rio"  encontra-se no objetivo de contribuir para reverter este triste caso de desrespeito e descaso ambiental, social e cultural numa bacia hidrográfica através da educação ambiental, enfatizando o papel da música como instrumento educacional à leitura e a pesquisa do livro “Jaú-Imagens de um Rio” e ao site www.riojau.com.br. Além disso, possui um caráter modelar passível de multiplicação, em função de estar sendo planejada, implementada, monitorada, avaliada e comunicada pelo Instituto Pró-Terra e de seus parceiros através de uma continuada e permanente intenção de convergência e integração das atividades da região. Dentre os parceiros estão: Grupo musical Corda de Barro, Secretaria do Meio Ambiente de Jaú – Semeia, músicos dos municípios de Jaú, Dois Córregos e Mineiros do Tietê, além de Entidades Beneficentes de Jaú (Pró Meninas, Abrigo Bem Viver e PETI), Dois Córregos (Casa Abrigo) e Mineiros do Tietê (CRAS).
Integrando e somando esta necessidade de desenvolver e resgatar processos culturais, o presente projeto busca a interdisciplinaridade com as questões socioambientais amplamente discutidas na atualidade e que na região do presente projeto encontram-se com sérios problemas como falta de água, desmatamentos, poluição dos rios entre outras; problemas sociais como desemprego pela mecanização da colheita da cultura da cana-de-açúcar, altos índices de violência entre outros; e problemas culturais como alienação de culturas populares e locais, falta de participação em eventos culturais nos mais diversos gêneros da arte, além da falta de identificação com o local.

Este projeto está sendo realizado desde 2010 e é financiado pelo Fundo Estadual de Recursos Hídricos do Estado de São Paulo - FEHIDRO e até 2014 será finalizado com o lançamento do CD de musicas de educação Ambiental da Bacia Hidrográfica do Rio Jaú - "Jaú Sons de um Rio", do site sobre a bacia e a reedição do livro "Jaú- Imagens de um Rio".

Serão confeccionados 1000 cópias do livro e 1000 do CD musical, os quais serão distribuidos gratuitamente para as escolas da Bacia Hidrográfica do Rio Jaú.

Confiram as fotos da elaboração do material nos anos 2013 e 2013!!!

Veja também
A - Projeto Plantadores de Florestas
B - Projeto Mergulho na Bacia
C - Projeto Bacias Educativas
D - Gestão Participativa de Bacias Hidrográficas
E - Programa Radiofônico Papo Verde
F- Pró-Terra Solidário
G - Jaú Sons e Imagens de um Rio
Copyright 2008-2018 © Instituto Pró-Terra • Todos os direitos reservados
Jaú - SP • Telefone: (14) 3032-1401